Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Blog do Raul

Lula prega solidariedade aos réus do mensalão

Na sua primeira fala sobre a decisão do Supremo Tribunal Federal, que surpreendeu favoravelmente a Nação ao decidir pela abertura de processo penal contra 40 acusados no escândalo do mensalão, o presidente Lula do PT veio a São Paulo participar do 3.º Encontro do seu partido e disse que "nenhum petista tem de ter vergonha de defender um companheiro". Quando o escândalo estourou, o mesmo Lula disse ter sido traído, porque os 40 acusados compunham o seu governo e a sua base aliada. "Todo mundo adorou" a solidariedade de Lula, segundo o presidente nacional do PT, deputado Ricardo Berzoíni.

"Até agora, nenhum deles foi inocentado, mas também nenhum deles foi culpado. Tem um processo e somente esses companheiros – nem eu nem vocês – sabem o que aconteceu. Na política, nós não precisamos ser mais duros do que somos. Não podemos perder a sensibilidade e o companheirismo porque é exatamente quando a gente está vivendo momentos difíceis que precisa", atestou o presidente Lula ao se autoproclamar o cidadão brasileiro mais ético entre todos os cidadãos do Brasil.

Postei esta mensagem para a sua reflexão e comentários. 

Compartilhe

3 comentários em “Lula prega solidariedade aos réus do mensalão”

  1. Uma vez um amigo me disse que temos que nos espelhar em certas figuras da humanidade para alcançarmos o sucesso. E ele me disse que durante muito tempo tentou se espelhar em Einstein, Da Vinci, De Gaulle, Ghandi, Pelé, Freud, Fernando Henrique, Mário Covas, enfim, em pessoas que de algum modo obtiveram destaque em suas carreiras por serem realmente bons no que faziam.
    Mas um certo momento ele parou pra pensar. Esses caras eram bons demais e ele acreditou que não dava pra trilhar o mesmo caminho deles. Era muita pretensão.rsss
    Ai ele decidiu mudar o foco. Se espelharia em outro tipo de figura histórica, pois alcançaria o objetivo de chegar lá no topo da mesma forma. Decidiu se espelhar em Lula, George Bush e Paulo Coelho. Pensou, se esses caras chegaram lá, eu também posso. São completamente despreparados, mas enganam muito bem, e com maestria. Aliás, cai uma ficha nesta hora. Será que eles também não se enquadrariam no rol de figuras do primeiro grupo, aquele do Einstein e do Covas? Claro, afinal eles são mestres na arte de enrolar, enganar e fingir ser o que não são.
    Mas, quer saber? Eu prefiro ainda o grupo do FHC e do Covas.
    Um abraço

  2. Oi Raul, eu não vivenciei a ditadura militar em sua época, mas a história se repete com o pt no governo,só que em vez de arma eles utilizam-se de apadrinhamentos, programas sociais disvirtuados e coações, tudo com a intenção de manter um curral eleitoral que os sustentem no poder. Raul eu e o Arnaldo somos seus fãs, e desde já conte conosco para a sua proxima empreitada política em 2008 principalmente na área da saúde. Um grande abraço, Meiri e Arnaldo.

  3. Apenas por amor a verdade: quando se descura das indicações puras , e dos critérios objetivamente técnicos, o resultado é sempre o mesmo. Nepotismo, Fisiologismo, ou seja, corrupção. Neste sentido o PSDB deve olhar melhor para determinados órgãos; verificando muito bem a vida pregressa dos eventuais ocupantes de cargos em comissão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *