Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Blog do Raul

“Segredos” da Petrobrás num contêiner ?

Era uma vez uma linda carochinha, que encontrou cinco réis enquanto varria a cozinha… Será que o governo Lula acha que somos ingênuos ou nos vêem mesmo com a cara de palhaço? As manchetes do dia sobre os dados furtados da Petrobrás são sérias, mas os conteúdos – versões e interpretações das autoridades lulopetistas – são inverossímeis, aparentemente formulados para propositadamente e de modo sistemático nos enganar e, ao mesmo tempo, rir da nossa cara de espanto.

Quem pode acreditar na versão de que a Petrobrás despachou num contêiner quatro notebooks e dois discos rígidos, contendo informações sigilosas da empresa sobre pesquisas na região do pré-sal da Bacia de Santos? Ultimamente o desgoverno Lula usa a descoberta do gás e do petróleo para turbinar pesquisas de satisfação popular e para abafar as suas notícias negativas. Acho que desta vez exagerou!

Inacreditável essa história de furto e dos desdobramentos das investigações para elucidar o caso. O contêiner de onde os notebooks foram furtados estava em um navio que partiu do porto de Santos, no dia 18 de janeiro, em direção a Macaé, onde a Petrobrás tem sua base de operações na Bacia de Campos. O contêiner chegou 12 dias depois, quando seguranças perceberam que o cadeado tinha sido violado. E a Petrobrás registrou a ocorrência uma semana depois!?

A delegada Carla de Melo Dolinksi, presidente interina do inquérito da Polícia Federal que apura o caso, afirmou ao jornal Folha de São Paulo que o contêiner de onde foram roubados os computadores não foi preservado e pode prejudicar as investigações, mas admitiu duas possibilidades: furto simples e espionagem industrial.

A ministra-chefe da Casa Civil, Dima Roussef, ocupou a cena em São Paulo, precipitando as conclusões das investigações para dizer olimpicamente que "há indícios de espionagem" e que o furto das informações não deve prejudicar a exploração das reservas: "Como quem pegou estes dados vai chegar ao petróleo? Não tem jeito" (sic).

Realmente, se nem mesmo a Petrobrás tem o cronograma do início efetivo da exploração dos campos Tupi e Júpiter, imagina o "ladrão" prospectando… Faltou apenas uma alusão de que o furto dos computadores pessoais deve ser coisa do PSDB e do DEM, que querem desestabilizar o governo Lula e ficam "inventando" coisas.

Por meio de nota oficial, a Petrobrás "esclareceu" que o material não estava sob a sua guarda (pasmem!!!), mas da empresa que presta serviços especializados para ela. Curioso é que essas informações, de importância gigantesca para a economia nacional, relevantes para os investidores em todo o Mundo, estavam de posse de terceiros (deve ser difícil para o PT aceitar que a jóia da corôa brasileira tem os seus segredos guardados por terceirizados). Será comum para a Petrobrás dispor de dados estratégicos sem nenhum controle? Despachar notebooks de uso pessoal, formatados e alimentados de conteúdo importante num contêiner, mercê do manuseio de qualquer um?

Uma pergunta que não quer calar pode ser dirigida a Petrobrás, a ministra Dilma Roussef ou ao presidente Lula: se o furto realmente existiu, se não for mais um conto da carochinha para desviar a atenção da mídia que só fala em CPI da Tapióca, quem mais foi negligente com as informações estratégicas para o país?

Compartilhe

7 comentários em ““Segredos” da Petrobrás num contêiner ?”

  1. Fausto Ivan

    Raul e companheiros que aqui deixam seus comentários.
    Faz tempo que esse governo se utiliza da imagem bem construida da Polícia Federal quando necessita. E mais grave ainda é o domínio da midia através das vultosas verbas investidas pelas estatais, ministérios etc para manter seu controle. O noticiário atual lembra o Jornal da Tarde no tempo da ditadura. As mazelas vetadas pelos censores eram substituidas por receitas de bolo para sabermos que naquele espaço deveria haver alguma podridão a ser revelada. Hoje de maneira pior pois com a conivência da midia dependente dos bilhões da verba publicitária. Principalmente na TV a oposição não aparece. A noticia só tem um lado, entrevistas + longas com os lideres governistas e o próprio reporter dizendo o que pensa algum representante oposicionista. Quanto mais expressivo for o líder de oposição menos é entrevistado.
    Quanto tempo faz que não vemos gente que não tem papa na língua como Jeferson Perez, R. Jeferson, Requião, Heloisa Helena, Almino Affonso e tantos outros serem entrevistados. O programa do Jô, que era um bom canal de comunicação quando estava no SBT, virou um lixo que só entrevista os e as dondocas de novelas da Globo e as “culturiosidades” de figuras populares como o casal que mora num cemitério ou o garotinho “prodígio” que sabe tudo de Geografia. Cadê aquelas excelentes entrevistas com o Helio Fernandes, Paulo Brossard, economistas e intelectuais que norteavam ações políticas. Será que nossas lideranças vão continuar quietinhas? Ou está passando da hora de se tomar alguma atitude contra esse governo fajuto e essa imprensa acomodada. Me incomoda muito essa passividade. Prá falar sem frescura estou com o saco cheio de perceber nas ruas que a oposição não existe. Senhores militantes e políticos com mandato, por favor, gritem, descabelem-se, coloquem uma mordaça, chutem a canela dos governistas e da imprensa acomodada, enfim, façam alguma coisa.
    fausto Ivan

  2. Fausto Ivan

    Complemento:
    Façam alguma coisa e nos convidem para participar.

  3. Raul. do jeito que agem os atuais mandatários do País, não seria nada impossível que exista essas informações sobre de que forma será , feita a exploração de gás na Bacia de Santos, más acreditar que estivessem sendo transportadas em um conteiner é demais, o mais óbvio é que algum espertalhão que faz parte do governo com acesso as informações extratégicas da Petrobras, tenha vendido essas informações, ou senão é apenas fruto da imaginação de alguns iluminados que fazem parte desse governo, para como já disseram anteriormente, para desviar a atenção sobre as CPI. O povo não aguenta mais tanto blá blá blá, por parte desses governantes, que só contam vantagem e não apresenta nada de concreto para o desenvolvimento do Brasil. Assim não dá! Assim não pode!
    abs.

  4. Raul,concordo que num eventual governo PSDB/PFL não haveria negligência com as infomações pois a essa altura do campeonato já não existiriam estatais no Brasil estariam todas privatizadas a exemplo da Vale.Abraço

  5. Raul, vc ficou sabendo de mais 3 notebooks que foram furtados diretamente dos usuários? Engenheiros da Petrobrás que tiveram suas casa invadidas e só levaram os computadores… Furto Simples?!?

    O mais interessante, é um governo e uma turma que sempre reclamou da terceirização, dizendo que seria o grande mal da estatal, deixar na mão de terceiros os segredos da empresa. E o mais espetacular: colocar a culpa neles e não em quem deixou tudo nas mãos deles…

    Vale uma resposta ao Betão?

    Como sei que ele é seu amigo, deixo prá lá. Não vale a pena com quem não quer entender a evolução das coisas…

  6. Ernesto Donizete da Silva

    O “Inácio” não sabia… (de novo)!!!

    A questão envolvendo o furto qualificado na Petrobras é um acinte ao povo brasileiro.

    O fato foi detectado no dia 31/01; o serviço de contra-espionagem da ABIN (Agência Brasileira de Inteligência) entrou em cena no dia 05/02; a ocorrência foi registrada na polícia no dia 07/02 e DUAS SEMANAS, após tudo isto, o presidente “Inácio” no dia 14/02, interpelado pela imprensa respondeu que “não poderia comentar o roubo de informações sigilosas sobre as descobertas da Petrobras porque ainda não tinha informações suficientes”.

    Diante deste quadro tétrico começo a ponderar:

    Será que o “Inácio” sabe que Petrobras, significa petróleo BRASILEIRO?
    Será que o “Inácio” após quinze dias ainda não havia sido informado oficialmente?
    Será que o “Inácio” sabe que ele está ocupando o cargo de Presidente da Republica do Brasil?

    Aliás, será que o “Inácio” sabe de alguma coisa? Ou precisa continuar sendo colocado numa redoma de proteção chamada ignorância? Por este motivo sua popularidade é blindada. Tem receio de se manifestar em qualquer assunto realmente grave como o de agora. Quem o fez foi o assessor especial da Presidência para Assuntos Internacionais, Marco Aurélio Garcia: “Se for um caso de segurança nacional, terá que ser enfrentado”,

    É companheiro Raul e demais missivistas, caso de SEGURANÇA NACIONAL, são as informações dos gastos da presidência petista e demais escândalos. Ora Sr. “Inácio” acorde! A questão é gravíssima, envolve informações que podem colocar o Brasil no grupo dos dez maiores produtores de petróleo do mundo. É questão de SOBERANIA, e tem inúmeras e graves implicações para o país.

    Para não me estender, Sr. “Inácio” lhe informo que o serviço de proteção de qualquer informação neste nível não pode ser terceirizado, e a firma em questão a Halliburton é ligada as gigantes Energy Services Group (EGS) e Kellogg Brown & Root (KBR), e o atual vice-presidente dos EUA (por coincidência) era o seu presidente. Mas, fico por aqui senão ainda vou escutar que tudo isto é uma teoria da conspiração!!!

    Acorda Brasil!!!

    Ernesto Donizete da Silva
    PSDB/SANTOS

  7. Aos que criticam as privatizações feitas na era FHC, desconhecem que infelismente no Brasil, Empresas pública é sinônimo de Cabidões, onde os indicados para administra-las quase nunca tem competência e com isso acontece o que acontecia aqui mesmo em nossa região, com a Cosipa que só fechava no vermelho.
    Como a Própia Vale do Rio Doce, que era na época uma Empresa Pública, e obtinha lucros, más, tímidos para o seu potencial, mostra disso é que no primeiro ano triplicou sua capacidade de Produção,
    E um detalhe que eu acho muito importante, acabaram com a tal estabilidade, o que no meu modo de ver, atrapalha bastante no rendimento do trabalhador e por conta disso, as empesas acabam ficando em hestado degradante em sua maioria.
    Gostaria de um dia poder ver todos os trabalhadores deste País, serem tratados com igualdade e respeito, sem essa tal de estabilidade, que finda protegendo os parasitas em detrimento aos que realmente prestam um bom serviço a população. Direitos iguais no Brasil, infelismente só no papel, pois o mesmo aceita tudo que se escreve.
    Abs.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *