Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Blog do Raul

Algo de podre nas descobertas de petróleo ?

As descobertas de petróleo na Bacia de Santos não páram. As ações da Petrobrás explodem na Bolsa de Valores, mas até agora não se viu uma gota desse óleo precioso nos reservatórios da empresa. A estimativa oficial da nova reserva, de 33 bilhões de barris, que lhe dá a classificação de terceiro maior campo de petróleo do mundo, não foi comunicada como fato relevante ao mercado de ações, como deve agir qualquer empresa de capital aberto. Isso dá margem à desconfiança de que alguém está especulando e levando vantagem com essas notícias mensais da Agência Nacional de Petróleo. Aí tem…

O campo foi denominado provisoriamente de Carioca e, segundo o diretor Haroldo Lima, da ANP, é cinco vezes superior ao Tupi, que até então era apontado como a maior descoberta em nosso país. Foi achado na camada ultra-profunda pré-sal, onde, segundo especialistas, é um local de elevado potencial para descobertas. Porém, com chances muito remotas de exploração breve, porque o Brasil não dispõe de técnicos capazes para realizar esse trabalho e a Petrobrás não está suficientemente aparelhada para esse fim.

Trata-se de mais uma divulgação irresponsável, bem ao estilo do governo Lula, que foi bem definido hoje, pelo filósofo Roberto Mangabeira Unger (ministro extraordinário de Assuntos Estratégicos) em entrevista ao jornal Valor Econômico: "Essa prosperidade superficial e frágil não nos deve enganar a respeito da situação em que estamos. Ainda não encontramos o caminho necessário da reconstrução industrial".

Pena que há muita gente que ainda acredita nesse governo. No caso de Santos e de toda a Baixada Santista, há muita expectativa do boom das descobertas de petróleo e gás nas suas bacias mais próximas do Rio de Janeiro. A Petrobrás está se instalando em dois prédios da região, superlotando estações de trabalho de executivos bem pagos, numa viagem precursora da vinda dos royalties para os municípios.

Sobre isso, quem leu a manchete do jornal O Estado de São Paulo desta segunda-feira, "Petróleo financia farra de contratações nos municípios". Em Campos (RJ), entre 2002 e 2006, o aumento do número de servidores foi de 207%; sem falar que o prefeito local, Alexandre Mocaiber (PSB), foi acusado de usar fundações e organizações não-governamentais para desviar mais de R$ 200 milhões na contratação de 16 mil funcionários terceirizados.

No mesmo jornal, há o registro do caos nos municípios cariocas que, valendo-se do dinheiro dos royalties do petróleo, atraem pessoas de todas as regiões do país, a maioria sem qualificação, sem renda, sem casa e fazem explodir os índices de ocupações irregulares de moradias e esgotam os sistemas de serviços públicos, principalmente nas áreas da educação e da saúde.

Esse é o filme que pode ser reeditado na Baixada Santista, se os municípios ficarem de braços cruzados contemplando os factóides da prosperidade. Por falar em Petrobrás, companhia de todo o povo brasileiro, nesse governo de "elevados índices de sucesso", como se explica o prejuízo de R$ 1 bilhão amargado na área internacional no ano passado, dos quais R$ 940 milhões apenas no quarto trimestre, por causa dos resultados negativos nas atividades exploratórias dos EUA e Colombia; além de contabilizadas perdas no Equador ?

Alguém está faltando com a verdade ? Pode até ser, mas acredito também nessas descobertas. Só não é possível aceitar a negligência e o oportunismo que assola e explora o nosso Brasil. Chega! 

Compartilhe

6 comentários em “Algo de podre nas descobertas de petróleo ?”

  1. alvaro gonzalez

    Interessante um trecho de seu comentário ” Petrobrás, companhia de todo o povo brasileiro “, ainda bem que o “povo brasileiro” lutou contra a privatização como queria o governo do seu partido, quando estava no poder.

  2. Caro Alvaro,

    Justamente por ser do povo Brasileiro que o PSDB pensou na privatização de empresas que antes eram utilizadas como “cabidões” de Governantes corruptos.

    A privatização das “teles” por exemplo…permitiram que “o povo” na sua totalidade tivesses acesso aos telefones fixos e móveis, antes caríssimos e só acessíveis aos mais abastados.

    JOSE RUBENS DOMINGUES FILHO
    Presidente Municipal da JPSDB de SP

  3. O Petróleo é nosso e não do PSDB, do PT, do PAsponi, etc,etc. As pessoas, técnicos que avalisaram a tal Bacia fizeram nos mesmos moldes que todos os países do mundo o fazem. Digo é a mesma tecnologia utilizada por técnicos responsáveis e altamente profissionais da Petrobrás. Porque então no Brasil o sucesso, o desemprego baixando, a riquesa, os índices de desenvolvimento verificados neste periodo é tudo “irresponsável” e especulativo. Temos que parar com essa coisa de país “subtudo” e acreditar no Brasil. Quando aos “Cabidões” ainda bem que vc reconhece que a utilização dessas empresas era essa, só que o poder era exercido pelos mesmos partidos q hoje estão na oposição, lembra!! Porém,eu também concordo que algumas empresas tiveram um desempenho melhor no privado, mas outras como energia, estrada, etc, etc geraram apenas mais custos como por exemplo os pedágios absurdos, mas o o investimento continua sendo público, a prova esta bem perto de nós, é só subir a serra e pagar 15 reais para andar 52 KM. R$0,28 por km. Um carro a diesel gasta R$0,15 p/Km e à gás, bem é melhor deixar para outro dia.Prefiro continuar acreditando na Petrobrás. Pois , o petróleo é cada vez maior e mais nosso. Viva bacia de Santos!!!

  4. Ernesto Donizete da Silva

    Como pode o diretor-geral da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Haroldo Lima, ter um comportamento tão descabido e tão irresponsável. E o que é pior, “arrumaram” a DESCULPA a lá LULA que já havia tal matéria sido divulgada por uma revista…blá…blá…blá.

    Realmente mais um caso de “factóide” criado pelo Governo Petista – do Sr. Inácio. Do ponto de vista econômico, causou um grande furor nas bolsas do Brasil e dos EUA As ações da Petrobrás estavam sendo negociadas no terreno negativo, ao custo médio de R.94,35; quando foi divulgada a notícia as ações dispararam e chegaram a passar o patamar dos R.104,00 reais em dados momentos do pregão.

    Sabe, Sr. “Inácio”, mais uma vez, a especulação ganha. Quem ganhou dinheiro com isto, são os já abastados, que chegaram a embolsar uma rentabilidade da ordem de 10% em um dia.

    Raul, será que o Sr. Inácio, vai criar um programa do PAC, que tenha o CARTÃO-PREGÃO, para que os humildes que já são “obrigados” (no sentido de não possuírem uma opção imediata para não aderirem a tais programas sociais) – possam também viver está opulência especulativa e encher seus bolsos de dinheiro, sem derramar uma gota de suor?

    Lógico que queremos que a notícia seja verdadeira, somos brasileiros e queremos o melhor para o nosso povo. A informação poderia ter sido dada somente por órgãos oficiais, fora do momento da realização do pregão nas bolsas. Esta atitude lembra as notícias anteriores dadas em momentos de crise no cenário político, como agora.

    Uma noticia desta, puxa para si, toda a atenção e durante alguns dias, teremos este assunto como pauta da imprensa. Nunca antes na história deste país se viu tanta propaganda e factóides sendo utilizados como estratégia de manobra das massas. Parabéns Sr. Inácio, parabéns ao PT, parabéns ao Diretor da ANP, parabéns para todo mundo, pois o importante é engolir os sapos e agradar a todos – pois todos querem ser agradados.

    O importante neste país é ser popular, não ser responsável. O que todos relevam é a capacidade de negociação (está tudo bem, quando todos ganham) – tanto faz se é bom ou ruim…desde que seja ótimo para o bolso dos opressores – como diria Karl Marx.

    Já usaram a Petrobrás varias vezes, vamos ver qual será a próxima informação – talvez Raul achem petróleo no quintal da casa do LULINHA – aquele que trabalhava humildemente no zoológico de São Paulo e agora é um mágico dos negócios que capacidade – obviamente herdada geneticamente do pai. MANDRAKE!!!

    ERNESTO DONIZETE DA SILVA
    PSDB/SANTOS

  5. …Caro Raul,

    Faço coro com o sr. Orlando Moreno. As privatizações das energéticas só foram boas p/ os grandes grupos privados, como Votorantim, Bradesco, Camargo Correa, etc. O povo paga por uma energia elétrica bem mais cara com grandes falhas na manutenção de equipamentos elétricos, pois além dos cortes tradicionais nas empresas privadas de pessoal qualificado, criou-se a tal de prestação de serviço terceirizado, onde só os donos ganham dinheiro e os empregados são mal treinados e mal pagos. Quanto aos pedágios, é uma exploração do cidadão com aval dos governos. É óbvio que há exagero nas divulgações das descobertas de novos poços…Todo governo adora fazer isso, exagerar…Sem contar que os lucros irão mais p/ o Rio do que para Santos, onde grupos daqui, interessados em lucros imobilários, aproveitam p/ colocar os preços dos imóveis na estratosfera! Mas, por outro lado, o anúncio é bom para o Brasil, não há dúvidas. Abs.

  6. Dr.Carlão.Biomédico

    Prezado Raul,

    Primeiro temos que avaliar se esta noticia não foi vinculada dia 1 de Abril….
    Se for verdade mesmo, e os Royalties ?
    68% para o estado do RJ
    0,2 % para o estado de SP
    Não continuo acreditando….

    Abraços.Sinceros.

    Dr. Carlão.Biomédico

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *