Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Blog do Raul

Polícia do Rio julga e mata !

Desgovernada, a polícia do Rio de Janeiro "criou" o seu próprio tribunal nas ruas. Se espelhando na Tropa de Elite, que ganhou notoriedade no cinema, irracional, despreparada e com medo, ultimamente essa polícia anda metralhando a própria sombra, como fez contra uma mãe e duas crianças na Tijuca. Um absurdo, que choca o Brasil pela insegurança diante de um Estado que se mostra incompetente, quando deveria garantir a sua responsabilidade com a integridade dos cidadãos e das nossas instituições.

O depoimento desesperado do pai do menino João Roberto Amorim Soares, de 3 anos, baleado e morto pelos PMs cariocas, questionando sobre o verdadeiro papel da polícia, foi impressionante e sem dúvida repercutirá por muitos dias. E o comentário do secretário de Estado da Segurança do Rio, de que "faltou treinamento e raciocínio aos policiais", aceitando que foi uma ação desastrosa dos seus comandados ?

Lamentavelmente esse acontecimento no Rio pode se repetir a qualquer momento. São Paulo vem respondendo com competência maior nessa área e o governo federal paga o preço de agir apenas pontualmente, demorando para descentralizar e repassar os recursos do Fundo Nacional de Segurança aos Estados e Municípios. A questão da segurança precisa ser desburocratizada e as ações não devem se limitar ao preparo dos seus agentes. Polícia hoje também é ciência, educação, política de Estado.

Esse deveria ser, de início, o foco dos responsáveis em todas as áreas de um país, que acredita muito na sorte e por isso mesmo improvisa tanto. Ninguém improvisará um novo menino para a família do taxista carioca e muito menos outras vidas, dentre aquelas que se perdem sem piedade. Até quando vamos viver com dúvidas assim ? Chega de violência !

Compartilhe

7 comentários em “Polícia do Rio julga e mata !”

  1. Amigo Raul, não se iluda com a Segurança Pública do Estado de São Paulo, achando que é melhor do que a do Rio de Janeiro, aliás em questão de segurança pública o país inteiro deixa a desejar.
    Em uma tragédia, não existe pior ou menos ruim, todas são lamentável.
    Estamos sempre assistindo abusos de policiais em abordagens, cantando pneus sem necessidades, somente para aparecerem, e outros até bebendo cerveja em serviço. Mau policial ou policial despreparado não é mérito do Estado do Rio de Janeiro, mais parece uma praga que se espalhou por todo o País.
    ABS.

  2. Edgar Boturão

    Alô Raul. Forte abraço. Realmente uma vergonha. Infelizmente a cara do Rio de Janeiro. O caos social parece irreversível. Todo o comando da PM deveria renunciar. O secretário de (in)Segurança Pública deveria renunciar. O governador e o vice também deveriam renunciar. Toda a política do Rio deveria renunciar. Só o povo carioca não pode renunciar.Precisa reagir. Aliás, toda a sociedade precisa reagir.

  3. Amigo e companheiro Raul.
    Sem conotações bairristas e/ou partidárias, o Governo de São Paulo atual, está se esmerando na forma séria de Administrar, principalmente quanto à questão de Segurança.
    A Polícia Civil passa por uma transformação exemplar, desde a escolha do Chefe Geral, o Dr. Maurício, homem preparado, com currículo
    internacional científico vasto, e credenciais
    que o qualificam como policial de ação moral
    irreprensível que está efetuando as mudanças
    necessárias no meio da Segurança Publica.
    Ficou patente, na tragédia do caso Isabella que, hoje em dia, há um comando firme nessa Instituição que não se deixa corromper nem sequer ser vencida por manobras de “bons” e famosos advogados régiamente pagos por seus clentes bem capitalizados.
    Há um novo espírito público em nossa Polícia paulista, que se reflete na reconquista da confiança da população pelas apurações dos fatos recentes.
    Idêntica situação ocorre nas fileiras de nossa
    Polícia Militar, havendo transformações e/ou
    substituições que estão evidenciando novos rumos das ações ostensivas de prevenção e de repressão rápidas e eficientes, também sob os olhos vigilantes das mídias, as quais narram
    ao povo novas condutas e novos fatos exitosos.
    Há que se reconhecer, independentemente das vinculações partidárias os muitos esforços do Secretário de Segurança, Marzagão na pasta da Segurança do Estado de São Paulo.

    Ivan Alvim
    CONSEG (membro)- CENTRO – GUARUJÁ-SP

  4. Raul,grave a situação da segurança publica no Brasil.Há alguma comoção social quando se mata crianças ou quando a Policia Federal prende milionarios como as prisões recentes dos megasempreários Dantas e Nahas.Aí altas autoridades do Estado algumas delas plumadas como o presidente do STF o sr. Gilmar Mendes protestam contra a a ausência do Estado de Direito no Brasil sob o governo Lula.Mas voltamos a vaca fria, matar jovens do sexo masculino e pobre, aí pode,ninguem reclama nem a “opinião pública” nem os senhores ministros.Mas a sanha assassina policial avança e matam tambem, com alguns protestos, nossos filhos, brancos e de classe média.A segurança publica tem de ser prioridade nacional.Abraço

  5. Raimundo Rosa

    Raul o povo Brasileiro esta sofrendo junto com essa familia , o Policial precisar ser melhor preparado exercer sua função com amor no coração , ser um verdadeiro servidor publico , tudo isso e consequencia de peesoas do 1 escalão no poder que so pensa no bolso , tãi as consequencias não a envestimento no cidadão , vivemos num pais que se vive em colonia e a colonia Portuguesa e a Italiana e a japonesa e o povo Brasileiro abandonado em todo sentido , sendo explorado por banqueiros etc , um pão muito mal repartido jã começa nos Partido totalmente partilhados o respeito e pela condições economicas não teve não e ninguem e excluido do sistema , espero em Deus que isso mude algum dia .

  6. Elaine Silva - Administradora

    Esta violência esta ao lado de todos nós. Dessa vez, com o taxista carioca, em outra poderá ser mais perto de nossas famílias.

    Não é de hoje, nem só no Rio que a polícia recebe treinamento medíocre, que os policiais recebem armas, enferrujadas e precisam comprar sua própria munição.

    O governo tem o DEVER de ajustar tudo o que é necessário e não é de hoje. Os policiais precisam ter suporte, principalmente psicológico para portarem uma arma na cintura.

  7. JOÃO BATISTA DE ANDRADE

    JB DENUNCIA VIOLENCIA DA PM EM NITERÓI.
    NOSSO CANDIDATO, O PROFESSOR JOÃO BATISTA DE ANDRADE, É O ÚNICO A DENUNCIAR PRÁTICAS INCONSTITUCIONAIS DA PM.
    A PM É MERA AUXILIAR DAS FORÇAS ARMADAS. NÃO FOI DECRETADA GUERRA CONTRA OS CIDADÃOS. NÃO HÁ TOQUE DE RECOLHER. O ESPANCAMENTO E A EXTORSÃO SÃO CRIMES, SENDO O PRIMEIRO UMA FORMA DE TORTURA E É INAFIANÇÁVEL. OS COMPONENTES DA PM NÃO PODEM “DAR DURA” NAS PESSOAS, SEM MOTIVO ALGUM. NÃO PODEM ESPANCAR NINGUÉM. NÃO PODEM TOMAR DINHEIRO DE NINGUÉM NAS RUAS.
    ESSAS PRÁTICAS ILEGAIS TEEM QUE ACABAR.
    A DITADURA JÁ ACABOU HÁ MUITO TEMPO. MAS, PARA O POVO, OPRIMIDO ENTRE BANDIDOS E POLICIAIS, A DITADURA CONTINUA.
    ESTÁ NA HORA DE TODOS OS HOMENS DE BEM COLOCAREM O MEDO DE LADO E PRESSIONAR PARA QUE A PM ATUE EXCLUSIVAMENTE DENTRO DA LEI. AGINDO FORA DA LEI, A PM ESTÁ ASSINANDO A SUA PRÓPRIA SENTENÇA DE MORTE.
    EIS O COMUNICADO QUE O PROFESSOR JOÃO BATISTA ESTÁ DISTRIBUINDO EM NITERÓI.

    A PM INFERNIZOU STA. ROSA.
    JOÃO BATISTA DE ANDRADE. DIA 23/8/08
    DOIS PMS ESTAVAM PARANDO OS MOTOQUEIROS QUE PASSAVAM PELA MINHA RUA, A DR. SARDINHA. PERGUNTEI AOS PMS SE OS RAPAZES ERAM SUSPEITOS DE ALGO ERRADO. NÃO ERAM.
    PEDI AOS PMS QUE GUARDASSEM AS ARMAS. E DEIXASSEM EM PAZ OS RAPAZES. O DIREITO DE IR E VIR, COM LIBERDADE, ESTÁ NA CONSTITUIÇÃO. SE NÃO HOUVE NENHUM CRIME NO LUGAR, A PM NÃO PODE “DAR DURA”. OS PMS LIBERARAM AS MOTOS.
    NÃO SE PASSOU MEIA-HORA..LÁ VEM OS PMS PERSEGUINDO UM GAROTO DE MOTO. SIRENE LIGADA CORRI PARA A JANELA E OS SOLDADOS DERAM UM TIRO PARA CIMA… NA DIREÇÃO DO MEU PRÉDIO!
    VÁRIAS VIATURAS PROMOVERAM TIROTEIOS NA ÁREA EM QUE RESIDO, ENTRE O COLÉGIO SALESIANOS E A NORONHA TORREZAO. ATÉ ÀS 6:30 FOI UM INFERNO!
    O QUE FOI ISSO? REPRESÁLIA? SAIBAM QUE ENFRENTEI A DITADURA E NÃO VOU ME ATEMORIZAR.
    CHEGA DE ACHAQUE!
    CHEGA DE ESCULACHO.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *