Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Blog do Raul

Fase crítica da “marolinha” …

Jamais me inclui dentre aqueles que apostam no quanto pior melhor, na política, na economia e até na torcida do futebol. Sou um otimista por excelência e me submeto às vezes ao silêncio reflexivo quando as coisas não vão bem no geral. Receio ser mal compreendido com as minhas interpretações num campo de visão, desde que me entendo como profissional de imprensa e militante de alguns ideais. Mas, a semana de précarnaval nos atiça para registros preocupantes de manchetes dos principais jornais do país: "Embraer demite 4.273, mas mantém investimento externo", "Demissão cresce; governo amplia seguro-desemprego", "Falta dinheiro no FAT para ampliar seguro-desemprego", "Lucro do Banco do Brasil cresce 74%" e "Bancos querem dividir riscos de empréstimos com o governo".

Quando os principais analistas alertavam o governo Lula para os efeitos da crise econômica mundial no horizonte do Brasil, tanto o presidente da República quanto os seus ministros desdenhavam por conta da estabilidade garantida pelo Real e, principalmente, pelas reservas financeiras do país. Quem esqueceu dos discursos lulopetistas comparando a crise à uma marola dos mercados ou transferindo a sua responsabilidade ao ex-presidente americano George W. Bush e aos especuladores ?

Pois é, para a preocupação de todos os brasileiros não ouvidos pelas pesquisas sobre a popularidade do presidente Lula, o país perdeu 102 mil vagas com carteira assinada em janeiro, no pior resultado no mês em dez anos. Desde novembro, foram cortados 797 mil postos de trabalho no mercado formal brasileiro. Mas o governo federal continua surfando na onda do sucesso, inclusive formatando o discurso político e de campanha antecipada da pré-candidata às eleições presidenciais de 2010, a ministra Dilma Rousseff, no velho estilo "deixa comigo" que as coisas continuarão no rumo certo, além de continuar apostando dos ventos da boa sorte.

Na verdade o governo Lula mantém a aparência de tranquilidade por causa da herança bendita dos governos Itamar e FHC, com o Plano Real, o Fundef – Fundo de Desenvolvimento da Educação e Valorização do Magistério, a Responsabilidade Fiscal, o Proep – Programa de Expansão da Educação Profissional e a rede de proteção social com os programas Bolsa Escola, Bolsa Alimentação, Vale Gás e Peti – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, apenas para citar algumas ações que os petistas rebatizaram.

O país necessita de mais governo e menos demagogia. A notícia que o FAT – Fundo de Amparo ao Trabalhador não tem condições de custear a ampliação do pagamento do seguro-desemprego de 5 para 10 parcelas, como cogita o governo ao planejar uma transformação desse benefício em "Bolsa Desemprego", sinaliza uma vez mais o caráter enganador do lulopetismo. Ao invés de pensar e focalizar a redução dos juros, o sucesso de políticas emancipatórias e o apoio para projetos de empresas que ampliem a oferta de emprego, eles insistem condenar os mais pobres à dependência financeira do Estado. Não é curioso que esse governo proteja os pobres, para que continuem assim e dependam dele para sempre ? Não fui pesquisado até hoje para aprovar isso !

Já lí e ouvi comentários que a fase crítica atual está sob controle e que a culpa é do Barack Obama (sic). Pelo amor de Deus, quando teremos uma resposta para todo o Brasil, a exemplo do que faz o governador José Serra em São Paulo, que monta um amplo plano de requalificação para o trabalho, justamente para atender quem perde o emprego hoje e necessita voltar logo para o mercado ? O próprio Banco do Brasil, que ampliou a sua capacidade de empréstimos e investimentos, mantém as maiores taxas de correções e juros do mercado, aparecendo como um banco público lucrativo. Não seria o caso de utilizá-lo para estimular o empreendedorismo com as condições melhores e preocupadas com a emancipação dos cidadãos e da capacidade de empregar no país ?

Enfim, para não dizer que não falei de crise, e sem torcida pela queda da popularidade do governo Lula, posto a minha contribuição ao debate neste Carnaval, entre marchas de más notícias dos cenários futuros.

Compartilhe

16 comentários em “Fase crítica da “marolinha” …”

  1. Ernesto Donizete da Silva

    Atualmente temos nas principais regiões do país cerca de quase 1.200.000 – um milhão e duzentos mil desempregados. No mês de janeiro de 2009, segundo pesquisa do IBGE, foram fechados 323 mil empregos, o pior índice desde o ano de 2002.

    Para os companheiros “bloggistas” sugiro olhar a matéria do Jornal Nacional, no link a seguir:

    http://video.globo.com/Videos/Player/Noticias/0,,GIM969890-7823-DESEMPREGO+SOBE+QUASE+EM+JANEIRO,00.html

    Quem não se lembra de um presidente da república indo a mídia televisiva para dizer em alto, bom tom e como sempre em “portululol”: o “Brasil está blindado, aqui não existe crise”… ou ainda “a crise aqui (Brasil) não chegará, e se chegar será apenas uma MAROLINHA”…

    Muito bem, Sr. Inácio, novamente mostra toda a sua sabedoria. Enquanto isto, o assistencialismo cresce e continua a manter os mais humildes na situação de “escravos”. Sim, escravos dos vários cartões esmola subvencionados pelo Governo Federal.

    Enquanto isto, um PAC que existe somente no papel continua a enganar o povo brasileiro. E é claro que o Sr. Inácio já está em campanha para 2010, indicando a Sra. Dilma. Prova cabal disto é lembrar a quanto tempo não vemos a dona Marisa ao lado do Sr. Inácio – são os marqueteiros em ação – já há algum tempo.

    Mas é isto ai. Vamos brincar o carnaval. Para o povo Pão e Circo.

    Acorda Brasil!!

    Ernesto Donizete da Silva
    PSDB/SANTOS

  2. As fases da vida boa têm que ser para todos

    Esse dia vai chegar pela inteligência nossa

    A fase não e critica, para todos consolidados entre eles tem os que sabem com a evolução da educação vai dividir o privilegio de poucos com muitos sem retorno para moleza

    De acordo com a evolução da matemática pelos bancos de dados disponíveis, sem calcular as bases de tudo dentro do Brasil, e o que tem fora assim como quaisquer outros pais pelo mundo

    O Brasil esta entre os primeiros países a trilhar sem crise que não tem tempo de passar por nos como alguns gostariam que você, a prova disse serra surpreendente, vem por si própria pela natureza de mansinho sem aviso, por todas as ondas que vai passar pelo mundo

    Por essa razão e outras, assim como o povo do mundo e do Brasil, já está sabendo que o beneficio humano, por varias vias e a necessidade para o progresso consolidar pelo mundo

    Distribuir a renda publica e um direito de todos os cidadãos que são os donos de tudo que e publico pertence ao povo, de toda sociedade para dar condição de todos terem uma boa infra-estrutura no conjunto das coisas pelo mundo

    O mundo não só precisa ampliar triplicar ou quadriplicar a distribuição de renda por varias vias salário desemprego, como criar a renda do lucro do mundo

    Dando condição de uma boa vida para o progresso de todos serem positivo pelo mundo

    Distribuindo, ate 40% do lucro das empresas existente oficial e privada como dividendo humano para a prosperidade de todos prosperarem sempre comparativamente uma justiça de baixo para cima pelos direitos de cada cidadão, depois do vácuo do econômico se assentar positivamente pelo mundo

  3. Paulão/Jabaquara

    Caro Raul,

    No final da decada de 70 até inicio dos anos 80 eu fui metalurgico no ABC o sindicato era presido pelo lula, em 1981 apos aquela famosa greve de 41 dias a Mercedes Benz demitiu 5.500 trabalhadores a qual eu estava incluido, a Ford 8.000, a volks 15.000, sem contar as outras empresas, alegando uma resseção que não existia, era o inicio da automação das linhas de montagens, o presidente do Sindicato avalizou as demissões, agora vejo o presidente lula indgignado com as demissões atuais, isso me causa risos, a exclusão social causada por esse presidente na decada de 80 condenou uma geração inteira de metalurgicos ao sub-emprego eu digo isto poque sou testemunha desse fatos, para manter eu e minha familia virei camelo que ate hoje é uma categoria marginalizada, agora como presidente do Brasil ele esta condenando outra geração, e o pais esta maravilhoso para os petistas, se a oposição não unir a sociedade para combater e tirar do poder essa gang que esta em brasilia os brasileiros estarão condendos a depender do estado sempre.

  4. A questão é que o país não está só maravilhado pelos petistas. Infelizmente, a maioria dos Brasileiros aprovam a gestão petista, vide o índice de aprovação do Presidente. E, no cenário atual, não vejo o Serra virtual candidato vitorioso, como o vêem ,outros companheiros do PSDB, embora seja de longe, o mais preparado. Vários indicadores me apontam este resultado desolador:Popularidade do Presidente;oposições perdidas, sem rumo, sem projeto definido para os grandes desafios nacionais, como reiteradamente alerta o DEP. José Anibal;Poder de cooptação do governo, visto que pelo Brasil afora, prefeitos, deputados etc,inclusive do PSDB, não são vistos pela população como oposição ao governo, antes flertam, com o Lula para surfar na onda de popularidade do Presidente, e isso, fazem corpo mole na campanha , como é de costume. O PSDB sabe da situação e nada faz, o que demonstra sua fragilidade;O descaso do PSDB, para com o militante, o que faz com que a cada ano, companheiros valorosos busquem outras prioridades. Corre à boca pequena, não basta ser militante, contribuir, ser capacitado, tem que ser amigo do rei;a indefinição do PSDB, visto que ainda não há certeza que que o melhor, será o candidato; longe das benesses e perto do pulsar das ruas, o PSDB teima em não seguir seu proprio postulado;A Candidata do governo já é realidade e nos proximos seis meses , se nada for feito, ouviremos a respeito dela, o que se falava do Serra: é imbatível.
    Claro que tenho outras considerações, além das aqui explicitadas, sobre a situação do PSDB, partido que, com muito orgulho, ajudei a fundar e hoje o vejo nivelado com os demais, envolto em casos contrangedores e inimagináveis a vinte anos atras.
    Enfim tudo isso é muito triste. È possivel mudar este cenário? Sim, é possivel, porém dificil, visto que a cúpula do PSDB, não se entende e passa para a sociedade, que cada um segue seus interesses.
    Enfim…

  5. Hoje marolinha, imaginem quando a “MAROLA” vir será um caos total. Até quando o povo vai depender do assistencialismo do governo federal? Assim é muito fácil ter popularidade, ele está comprando o povo, preparando-se para 2010.

  6. deu em o estado de s.paulo
    Parado plano para qualificar beneficiários do Bolsa-Família

    Mudança da conjuntura econômica e falta de interesse dos convidados, por carta, a participar emperram projeto

    De Roldão Arruda:

    Anunciado em agosto do ano passado, as vésperas das eleições municipais, o plano do governo para qualificar profissionalmente beneficiários do Bolsa-Família – e facilitar seu ingresso no mercado de trabalho – ainda não decolou. O pior para o governo, porém, é que os entraves na pista de decolagem aumentam. O mais visível deles? A mudança da conjuntura econômica – idealizado quando a economia efervescia, o plano de qualificação enfrenta agora um cenário desfavorável, de encolhimento do mercado de trabalho. Mas não é só. As autoridades foram surpreendidas também pelo desinteresse das pessoas convidadas para os cursos profissionalizantes.

    No ano passado, o Ministério do Desenvolvimento Social selecionou 370 mil pessoas – com mais de 18 anos e a 4ª série do ensino fundamental concluída – e enviou-lhes uma cartinha. Nela apresentava o chamado Plano Setorial de Qualificação e as convidava a participar. O retorno foi fraco:

    SÓ “5%” MOSTRARAM INTERESSE.

    Em números absolutos, foram 18.500 pessoas – muito aquém da proposta do governo de qualificar, só neste ano, 200 mil beneficiários, nos setores de construção civil e turismo.

  7. Apenas uma curiosidade:

    Por que os noticiários só mostram entrevistas com os iluminados do governo?
    Ninguém da oposição e do povo trabalhador que está sendo vítima da crise aparece nas reportagens.
    A democracia acabou, ninguém sabe, ninguém viu.

  8. Paulão/Jabaquara

    Caro Raul,

    Pela importancia do tema, segue abaixo uma pequena informação sobre a indignação sobre os demitidos da Embraer.

    Lula deve desculpas a desempregados da Embraer, diz Emanuel

    Segundo a Folha, presidente sabia das demissões desde segunda

    Brasília (21 de fevereiro) – Ex-prefeito de São José dos Campos, o deputado federal Emanuel Fernandes (SP) classificou de “muito grave” a informação publicada na “Folha de S. Paulo” deste sábado de que o presidente Lula sabia, desde segunda-feira, que a Embraer anunciaria uma grande demissão no seu quadro de pessoal. Três dias depois, a empresa dispensou 4,2 mil funcionários. Mas segundo sindicalistas que estiveram no Palácio do Planalto na sexta, o petista disse ter ficado “indignado”, como se tivesse sido pego de surpresa. Lula prometeu, ainda, cobrar explicações da diretoria da empresa de aviação, que tem 19,7% de seu capital total pertencentes ao governo federal.

    DESRESPEITO

    “Espero que isso não tenha ocorrido. Mas caso seja verdade, o presidente deve pedir desculpas aos funcionários demitidos e aos seus familiares. Vamos cobrar explicações do governo, pois isso é um desrespeito com essas pessoas que estão passando o feriado desempregadas”, criticou Emanuel. De acordo com o deputado, o clima na cidade é de quarta-feira de cinzas em pleno sábado de Carnaval. “A Embraer é muito importante para São José dos Campos. Todo mundo conhece alguém que perdeu seu posto de trabalho”, completou.

    Segundo a Folha, a informação sobre as demissões foi repassada pelo presidente do BNDES, Luciano Coutinho, em reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social em São Paulo. Auxiliares muito próximos a Lula, como o ministro José Múcio (Relações Institucionais), estavam presentes. No mesmo dia, Coutinho teria avisado o presidente sobre as dispensas.

  9. O preço da liberdade

    Raiz da solução esta na instrução com informação nivelar de baixo para cima, as aposentadorias e as bolsas famílias com a obrigação de ir estudar ate aprender

    Sai mais barato que sustentar preso na cadeia, e a família do preso recebendo um salário sem dever nem um para cumprir

    Todos que recebem beneficiam das bolsas, não concordarem com as regras que diz, precisam voltar para sala de aula ate terminar um curso superior

    Paralelamente fazer um curso técnico incluindo a família inteira ate com mais beneficio se continuar estudando

    Assim para os camelos e principalmente para os menores infratores, e as famílias dos presos tem que estudar para ter direito de receber, todo apoio ate ter vida própria pela qualificação profissional oferecida

    A crise esta entre a entressafra, da era manual para era eletrônica, trocando o couro do atraso com o avanço

    Substituindo o ser pela maquina, ficando no comando quem esta sabendo pilotar as novas maquinas que vão comandar, as maquinas da produção

    Ai esta uma das tantas teorias que ditara o rumo da economia, dispensara todo tramite presente, pelas mudanças vindas a nossa frente, diz que o lucro vai ser distribuído para produção ser consumida, para ser implantada uma nova educação da barriga da mãe ate o diploma de Dr terminando na especialização

    Daí em diante, começara a terceira era econômica, com a evolução da mente humana dando um passo seguinte na terceira dimensão do nosso cérebro, que vai superar toda tecnologia existente para produzir a tecnologia final

    Nada sobrevivera na balada atual, por falta de consciência humana, desviando a natureza para o precipício do abismo da cegueira, só a evolução da mente humana eliminara o risco desnecessário

  10. fausto ivan

    Raul, seu artigo está primoroso. Nada a acrescentar. Nota 10.

  11. ÉDSON DE MORAIS BUENO

    Caro Raul, feliz dia!

    Permita-me dizer, seria comico se não fosse trágico ver este imbecil fanfarão com tão alto indice de popularidade, que segundo pesquisa, reflete o sentimento do povo brasileiro.
    Tenho motivos para dizer que não acredito nestes números divulgados pela imprensa, pois acredito que não somos um grupo de 16% apenas.
    Como todos sabem, é um analfabeto que conduz esta nação, e sendo assim, creio que ele pense que todos somos iguais a ele, pois ele mesmo já afirmou, nos escandalos recentes de seu governo, que não há ninguem neste país mais ético do que ele. Pobre coitado.
    Do jeito que vão as pesquisas logo logo ele estará ultrapassando a barreira dos 100% de popularidade, pois para ele tudo é possível.
    Espeeera pra ver!!!
    Saudações Tucanas
    Édson Bueno

  12. Oi Raul

    As Marolas como diz o Lula já está mostrando a sua cara . As demissões estão já tirando muito sono de nós brasileiros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *