‘Fichas-sujas’ com a barra limpa!

Assuntos como “fichas-limpas” e “combate à corrupção” foram tratados durante o processo eleitoral deste ano como obrigações e não como virtudes para todos os candidatos. Acontece que ao invés desses valores serem proclamados como os mais importantes, juntamente com os conteúdos programáticos das campanhas políticas, a sociedade acabou por considerá-los secundários e no dia da eleição 208 políticos estavam com a candidatura barrada pela Justiça Eleitoral, mas mesmo assim receberam pelo menos 8,7 milhões de votos em todo o país.

Não vou perder mais tempo com a análise da transformação do horário eleitoral no rádio e TV em programas humorísticos. Ontem à noite, por exemplo, zapeando os canais de TV encontrei o programa da Luciana Gimenez na Rede TV apresentando o espetáculo horroroso das pessoas que foram usadas por alguns partidos para servirem de isca-eleitoral. Nunca antes na história deste país creio que pudemos ver tanto baixo nível em relação à visão de determinados cidadãos da política e dos políticos.

A culpa desse desvio recai sobre Lula, o presidente da República mais popular que o Brasil já teve, que banalizou os desvios de conduta, interpretando como uma mera reedição de comportamentos que ele aceita porque “sempre foram comuns na vida política do país”. Se na ocasião da descoberta dos esquemas do mensalão pago durante o seu governo ele ousasse repreender e punir com firmeza os responsáveis, tanto do Executivo quanto do Legislativo, a sociedade sem dúvida daria mais valor à ética e à moral quando diz respeito à coisa pública.

Essa inversão de valores é preocupante. Se o homem público é obrigado a primar por uma conduta exemplar e as pessoas vêem isso como uma obrigação que ele não respeita, o quê podemos esperar das instituições que em tese deveriam garantir a lisura para continuar merecendo o respeito de todos?

A matéria do jornal ‘Folha de São Paulo’ (5 de outubro de 2010), com o título “8,7 milhões de votos em ‘Fichas-sujas'”, infelizmente não me surpreende, mas nem por isso fico convencido de que ainda estamos muito longe de ter mais segurança com a interpretação justa e o cumprimento de todas as leis. Enquanto houver uma dúvida sobre a validade das obrigações, não será uma andorinha só que fará o verão para todos nós!

Compartilhe
14 já comentaram! Comente ou link essa página
  1. Isso requer uma reforma politica

  2. norisa comentou:

    Raul, também vi partes do programa, cada fruta podre.
    Eu tenho certeza que você é um ficha limpa desde que nasceu, quem teve berço de tia Dedé e tio Chris é abençoado
    Bjss a família, um abração a você

  3. alvaro gonzalez comentou:

    Caro amigo, realmente está eleição foi lamentável. Mas Um fato me chamou atenção aqui em nossa Cidade. Vc viu quem o nosso Prefeito apareceu apoiando p/ Dep. Federal com fotos abraçadinhos em centenas de cavaletes pela Cidade? Será que o Papa não sabia que o candidato a reeleição estava na lista dos “Fichas-sujas”? Eu e vc sabiamos.

  4. Com certeza meu querido,isso nos causa náuseas!
    Até quando o povo brasileiro vai usar o Poder do Voto como demonstração de indgnação(quero crer), ao invés de arma capaz de provocar Mudanças?
    Quem são essas pessoas optam por sair de casa num dia tão especial para votar em branco,nulo e pior ainda em pessoas tão despreparadas (porque chamar aquele senhor de palhaço é denegrir a imagem do verdadeiro Palhaço).Será que são as mesmas pessoas que clamam pelo direito de votar?
    Até quando iremos aturar todo tipo de brincadeiras, com coisas tão sérias como: O destino de uma Nação??
    Bem,não nos resta só lamentar essa eleição, assim como tantas outras que lamentamos, mas com certeza resgatar valores e princípios dos jovens e não esquecer de ensiná-las às crianças,não as nossas, pois as nossas, nós servimos como exemplo!Mas os filhos e netos dos que perderam a chance de deixar o País mais limpo e sério!

  5. OBRIGAR a votar, ou PROIBIR de votar, não é a mesma coisa? Onde esta a liberdade?

    O que é pior: Votar no palhaço, ou votar naqueles que acham que o leitor e palhaço?

    Políticos: corruptos, que mentem e indiferentes com os problemas do povo, entre eles, têm algum palhaço?

    As causas que dão origem aos políticos fichas sujas é regra ou é exceção?

  6. e isso ai

  7. e isso ai!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  8. TiagoBDS comentou:

    Caro Raul
    Esperteza e corrupção estão banalizadas e contaminam a sociedade e instituiçoes (incluído os partidos políticos). Daí o eleitor neste amontoado de partidos e candidatos não discerne pessoas como você e outros cuja caracteristica de vida é a integridade, honradez, capacidade. O voto adquire conteúdo passional, desqualificado. Enfim todos os candidatos são tratados como iguais o que é um grande erro e quem paga por isso é o Brasil, que também por isso continua a ser o país dos contrastes. Vota-se pela fama, pelo poderio econômico, pelo protesto, por promessas que não serão cumpridas e por aí vai…
    Não por para isso que em nossa juventude lutamos para restabelecer o estado de direito( redemocratização).
    Abraços fraterno.

  9. luciano araujo comentou:

    Infelizmente as eleições já se passaram em um primeiro turno, e mesmo que concorde que diante do inativo fato militante,o eleitor se encntre orfão de instituições representativas, o que nem de longe citamos como parte de reforma para democratizarmos ainda mais com a mobilização. Não se pode omitir o papel da região e o crescente abstensivo direito.Mas para não alongar no tema parabenizo o exito conquistado até o momento e estando juntos caminhando em busca de um maior aprimoramento representativo me posto no aguardo das diretrizes e no esperar do momento de minha pronuncia sobre o fato, conquistamos muito em representatividade democratica mesmo que não tenhamos atingido os votos que prentendiamos,assim deixo claro que considero satisfeito nesta primeira etapa…ABÇs.LU.

  10. Porque o povo brasileiro sempre foi um povo pacífico;porque qdo quiseram eleições diretas;tirar o Collor do Poder, pintaram a cara e foram às ruas, às lutas!!
    Porque muitos entregaram suas vidas em busca da Democracia!!É que não dá para entender que depois de conquistados todos esses Direitos colocam o Poder que existe num voto, em pessoas despreparadas sim!!
    Que sequer sabe o que é Constituição e pelo jeito continuam sem querer saber!! Haja vista existir a falta de vontade e por que não dizer preguiça de assistir um debate,pesquisar e verificar quem é quem!! Porque joio sempre existiu nem por isso joga-se fora o trigo!!

    Porque é mais fácil criticar do que usar a indgnação como mola propulsora de energia para Transformação da sociedade!!!

    Porque é diferente alguém ser analfabeto nos sertões, pois passam o dia na roça e chegam em casa cansados sem coragem sequer de lavar o pé! Quem dirá estudar ( mas ainda assim poderia enumerar várias pessoas (guerreiras que lutaram contra a fome e cansaço e aprenderam a ler e escrever) enfim estudaram!!
    Do que uma pessoa que passa metade da vida brincando e sem sequer ter a mínima vontade de aprender a ler e a escrever já que não foi falta de oportunida e diz rindo que é preguiça mesmo!! Sim, devemos acreditar! Já que depois de ficar famoso teve acesso as escolas só não estudou porque não quis!
    E ainda querem questionar!!
    Me poupe!!Quem pensa que é esse senhor para tentar se beneficiar da ausência de coragem do eleitor??
    Sim coragem para Mudanças,Transformações e não lamentações!!!
    Será que se nossa casa estiver suja vamos limpar?Ou deixaremos entrar mais sujeira porque a casa já está suja?Será que o nome disso é indignação porque sujaram nossa casa?Ou preguiça?
    Porque limpar, limpar dá trabalho!! Enfim é um caso a ser pensado…

  11. Helle comentou:

    Parabéns Raul.
    Vc é genial, pessoa honesta e teve meu voto.
    Nós eleitores internauras sabemos quem tem ficha limpa ou suja..estamos em novas eras…
    Um grande abraço.

  12. machado comentou:

    Raul, dia 28 de agosto houve desfile cívico na Zona Noroeste, juntamente com os festejos em comemoração ao aniversário daquela região, e na ocasião abordei o Prefeito Papa com seu panfleto, e o mesmo disse-me ser um bom candidato.
    Não fiquei surpreso qdo. me deparei com a foto do Papa com o Beto Mansur em cavaletes espalhados pela cidade, até porque a cria estava prestigiando o criador.
    Conclusão: não basta ser bom. Tem que fazer parte do time!
    Quero dizer ao amigo João Inocêncio, que nós temos a obrigação de não votar em palhaços e muito menos em quem tenta nos fazer de palhaços.
    Devemos sim, por sermos pessoas esclarecidas e responsáveis, termos compromisso com o Regime Democrático, escolhendo os melhores candidatos que consequentemente terão os projetos de interesse de todos os que clamam por respeito ao eleitor.
    E que você, amigo Raul Christiano foi um desses candidatos, que tive o previlégio de coordenar parte de sua campanha aqui na Zona Noroeste.
    EDUCAÇÃO, EDUCAÇÃO,EDUCAÇÃO;
    “EDUCAÇÃO É TUDO”!!!

  13. Leopoldo Pontes comentou:

    Caro Raul
    O voto do povo reflete a si mesmo. O povo brasileiro ainda quer o “jeitinho” e não se incomoda com as fichas sujas. Parece mesmo que se identifica com as tais e por isso mesmo vota em candidatos assim.

  14. João Márcio comentou:

    Só digo uma coisa,acredite se quiser ;nesse ditado
    Mesmo que as pessoas mudem e suas vidas se reorganizem, os amigos devem ser amigos para sempre, mesmo que não tenham nada em comum, somente compartilhar as mesmas recordações.
    Vinícius de Moraes

Nome:

Email:

Site:  

Comentar: