Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Blog do Raul

Marta subiu SETE pontos no Ibope ?

Pois é, a ex-prefeita de São Paulo, Marta Suplicy (PT), segundo a última pesquisa do Ibope sobre as eleições da Capital, tomou 5 pontos percentuais de Geraldo Alckmin (PSDB) e 2 de Gilberto Kassab (DEM). Muito interessante esse novo cenário, sem que houvesse um fato que justificasse a mudança do posicionamento embolado entre Marta e Geraldo, que pode sinalizar o início da contagem regressiva para uma vitória do PT logo no primeiro turno. Fiquei preocupado com os comentários de que não haverá mudanças na campanha, mas uma aceleração no seu ritmo. Coleciono há 10 dias, críticas e torpedos do PSDB à administração atual do DEM-PSDB, poupando o período governado por Marta e também a sua "metamorfose ambulante". Não mudar e acelerar quer dizer mais pauladas no Kassab e vice-versa ?

O leitor deste blog sabe que este teclado é engajado, porque sou tucano, alinhado com as diretrizes partidárias, apóio a candidatura do Geraldo Alckmin para prefeito, embora vote em Santos etc. Mas fundamental relembrar que o comportamento da campanha na Capital e o desempenho da candidatura do PSDB afetam candidaturas e alianças políticas do partido por todo o Estado e Brasil afora.

Na quarta-feira (13), o professor de história da Universidade de São Carlos, Marco Antonio Vila, escreveu artigo na seção Tendências e Debates da Folha, com o título "Os novos mandões municipais". Sem dúvida nenhuma, mais uma contribuição importante para tentar entender cenários difusos, quem sabe até as razões que levaram Marta crescer do nada, porque os seus adversários fingem que ela está fora da disputa.

Na terça-feira que vem (19) começará o horário eleitoral gratuito. Analistas políticos e marqueteiros de plantão sempre consideram que uma boa campanha no rádio e na tv invertem tendências. Daí retomo minha preocupação, quando parece não haver uma consideração sobre os lados e os entornos de uma disputa como a da Capital de São Paulo. E Marco Vila, no meio do seu artigo, pontua levemente a sua opinião sobre o que viu e pôde perceber até agora:

"Os programas eleitorais dos candidatos são marcados por propostas antigas e não há renovação inclusive dos slogans. A sensação de ‘déjà vu’ é evidente. O entusiasmo é falso. A eleição agrada aos marqueteiros, aos cabos eleitorais e aos produtores de material de propaganda, mas o eleitor se mantém até o momento distanciado, com ar de enfado".

Martaxa até 2004, agora Marta surfa livremente, com tempo de prometer que vai "cortar impostos", de olho nos votos da classe média; construírá linhas de metrô … e ignorar os seus adversários se estranhando, justificando presenças e ausências nas campanhas, perdendo pontos ! 

O cenário sugere reação ! E então ?  

Compartilhe

15 comentários em “Marta subiu SETE pontos no Ibope ?”

  1. Délia Guelman

    Pois é,desde o início, quando se confirmaram as duas candidaturas, PSDB e DEM,achei que nosso partido, rachado, corria o risco de ver a Marta levar ainda no primeiro turno, para que não corresse o risco de perder no segundo.Infelizmente é isso que parece que vai acontecer. Pena!Pena! Pena!!!!!!

  2. Caro Raul.
    O PSDB sabe administrar,mas pra fazer política
    é um muro rachado rssss.
    Você sabe bem disso e já sentiu na pele esse divisionismo né?
    Em Santos com dois deputados estaduais com muitos votos, entregou-se ao PMDB do Quércia sem sequer disputar pra negociar no segundo turno, não?
    Em Guarujá, Alckmim e Serra investiram rios de dinheiro nas obras “pseudo municipais” e está deixando o vereador que mais moral de vereança tem debaixo da chuva de grana da situação oficial e extra oficial e dos outros opositores…pesquisas da Tribuna…nem vou entrar no mérito…é tocar da Indústria das mídias e no ego dos nossos “argentinos” do litoral,que estão com uma cidade espetacular, palatável culturalmente de maneira exemplar.
    Santos acontece, Guarujá é cidade fantasma!
    Desculpa-me Raul, mas o Paulo Piasenti está fazendo campanha artesanal e o Governador vem aqui se compor…Se (você me conhece) eu não
    tivesse me comprometido moralmente, com nosso Presidente o Vice-Prefeito Tucunduva pediria
    minha desfiliação hoje mesmo. Voltaria ao meu anarquismo cultural, hoje mais chinês do que
    na utopia de 1968 a babar ovo pro poeta Mao que gerou a longo prazo essa verdade global.
    Saudações…Marta irá levar mais essa, e os
    méritos de aglutinação política são do PT.

    PSDB Saudações
    Ivan Alvim…Diretorio (e delegado estadual)

  3. Fernando Mauro

    Raul,

    Caro Raul,
    Gostei da sua análise.
    Pergunta: Quando é que o Serra vai entrar na disputa? Vai entrar?

    abcs,

    Fernando Mauro

  4. Caro Raul, a rejeição da Marta é quase igual a do Maluf. Acho dificil ela ganhar a eleição. Quem for para o segundo turno com ela ganhará a prefeitura.

  5. Evandro Losacco

    Raul,

    Estamos passando por um momento difícil, mas acredito que está na hora de acabar com a divisão e nos unirmos para derrotar a Martaxa e os projetos hegemônicos dos petistas. A união só pode se dar em torno do único candidato viável para essa missão, que é Geraldo Alckmin, como mostram as seguidas pesquisas. Chega de picuinhas, vamos pensar grande, vamos pensar no projeto do PSDB, que é o que se contrapõe ao projeto petista.

  6. milton flávio

    Raul,
    Como sempre preciso e agudo na sua avaliação.
    Como você não vejo razões ou justificativas para os números mostrados pela última pesquisa IBOPE-Globo-Estadão. É rízivel atribuir-se a subida da candidata do PT a apresentação de seu plano de governo, que ninguém ainda leu, até porque nada trouxe de novo aos eleitores.
    Prefiro acreditar que, como no passado, os visitadores assalariados do PT tenham se dedicado com afinco e particularmente as regiões que seriam pesquisadas pelo IBOPE. Não seria nenhuma inovação. De qualquer forma a pesquisa serve para demonstrar que nosso principal adversário, o PT, continua tendo fortes aliados e não tem escrupulos ou economiza para atingir seus objetivos( o mais imediato é impedir que a eleição possa chegar ao segundo turno onde suas chances de vitória são praticamente nulas).
    A participação do governador Serra é muito importante e não pode ficar limitada a inserções no programa eleitoral.Conhecendo sua origem ideológica e seu carater não tenho dúvidas de que nos ajudará de forma decisiva nestas eleições de 2008. Como o Geraldo esteve com ele em 2004.
    Juntos, o PSDB, Geraldo Alckmin e Serra, chegaremos as vitórias que o partido almeja, em 2008, e o Brasil precisa em 2010.
    abrs.

    Milton Flávio

  7. Amigo Raul.
    O PSDB precis, com urgência, antes dessas próximas eleições – estratégia para conseguir espaços noticiosos – sem gastos nas mídias, repensar sua ideologia social democrata e a leitura da realidade atual do Brasil para fazer sua ação política se tornar matricial, de uma ação cultural política que tem como alvo de identificação os valores das diversas camadas da classe média e o Estado como meio de amparo logístico e fornecedor de condições
    de educação e trabalho à grande maioria pobre e miserável da Nação.
    Precisa parar de ser um epígono da semana de 22 com sua antropofagia endêmica desde a nossa
    criação real do partido, com grupos que se degladiam de forma “esquizóide” internamente.
    O PSDB é a antítese do PT, que assumiu o papel
    de conduzir paternalmente as massas carentes através de políticas estatais imobilistas e
    ao mesmo tempo favorecer administrativamente,
    grupos econômicos de alto poder financeiro, a
    ideologia populista na prática da socialização
    da pobreza, por suas “competências” de estar nos estratos carentes da sociedade com a sua
    “virtu”, que inviabiliza a classe média como tal, na versão cabocla de “Maquiavel” que fez de Lula, o Príncipe “getulista” incontestável
    e “primoroso discurseiro das “aspirações” dos
    Brasileiros e Brasileiras rssss. (“remember” o poeta de “marimbondos de fogo” e outros sucessos literários)
    Desde a origem, a social democracia petista pensada por intelectuais e nas ações das suas lideranças trabalhadoras reais penetra (epa)
    nas massas com a intimidade da linguagem e do comportamento político assistencialista.
    Já, a nossa tucanagem de bela plumagem e vôo curto age no sentido contrário no discurso e prática administrativa (FHC por ex) ao propor a socialização da qualidade de vida/cidadania
    Há que se assumir sociológicamente, no social
    e na política das ruas e pontos de encontros esse papel histórico que há mais de 20 anos
    lançou José Serra a prefeito de São Paulo e como não havia 2º turno, em 7 dias, na adesão
    da militância do PMDB (que abandonou o Leiva) deu Luiza Erundina na cabeça, para controntar o Maluf. Trabalhávamos, então,no mesmo nicho, o ninho dos tucanos idealistas à época.
    Neste domingo de praias lotadas em Guarujá o nosso candidato a Prefeito, sem mais nem menos
    deu um exemplo de coragem e trabalho exemplar ao PSDB. Paulo Piasenti, em simples carro de som, fez as críticas devidas à situação da administração atual local e promoveu-se como o candidato das esperanças e mudanças ao povo daqui e…aos paulistanos promoveu a legítima candidatura de Geraldo Alckimim para Sampa.
    Se o meu voto e militância eram formais, de agora em diante, se tornou um compromisso de luta com garra. Está de parabéns o Paulo, ao dar esse exemplo (artesanal, mas forte) de
    enfrentamento políticamente correto ao PSDB.
    Abraços
    Ivan Alvim – PSDB – Guarujá – SP

  8. carlos laureano

    Caro Raul
    1. Como te falei há alguns meses atrás, o PSDB deveria se preocupar com outras cidades periféricas à Capital que influem na periferia da mesma. Isso não aconteceu e o candidato do PSDB está perdendo espaço justamente quando os candidatos das cidades periféricas de São Paulo começaram realmente as campanhas;
    2. Marta não está representando um deja vu, nem de rosto e nem de discurso, diferentemente de Geraldo (mesma postura, mesmos óculos, mesmo discurso insonso, etc.);
    3. Kassab (também insonso) não divide somente o eleitorado de Geraldo. A dupla Geraldo/Kassab reforçam o deja vu um do outro. Haja sinergia negativa!
    Um abraço.

  9. Laerte Ap. Rocha-Nova Luzitânia-SP-

    Raul,
    suas considerações sempre bem fundamentadas,

    sucesso….

  10. Raul,

    Nos últimos 15 dias não ocorreu nenhum fato que pudesse causar tamanha queda do Dr. Geraldo.

    Acredito que todos os leitores desse blog se recordam dos erros absurdos cometidos pelo IBOPE na eleição presidencial. Quem não se lembra também do caso César Maia no Rio de Janeiro.

    E por fim, no ano de 2.004 o questionado instituto deu 10% de vantagem para a candidata Telma (do PT) em relação ao prefeito Papa. No final deu Papa e acertadamente o jornal A Tribuna expulsou o IBOPE de nossa cidade.

    Que em São Paulo ocorra o mesmo.

    Forte abraço!

  11. Caro Raul,
    Sou um convicto descrente em pesquisas eleitorais, quanto mais a deste ano, é notório o imenso desinteresse da população em relação aos pleitos, campanhas então pouco estamos vendo.
    A pesquisa surge nesse cenario como apenas um elemento a ser analisado pelas coordenações de campanha afim de se buscar eleitorado nos pontos onde ainda o nome do Dr. Geraldo não chegou.
    Muito me estranha a subita elevação da candidata do PT, nós eleitores de Santos temos boas recordações desse instituto né amigo Raul.
    Aqui davam como certo a vitoria de Telma com larga vantagem, ao fim o que se viu foi Papa na frente, e em SP assim será, Geraldo.
    Abraço

  12. Caro Raul,
    Parabéns pelo post.
    Acho que o resultado não é definitivo, muita agua ainda vai rolar.

    O que me preocupa é que o PSDB vive um momento de extrema desorganização. Os grande sfeitos realizados na administração Serra são contabilizados na conta do democrata Kassab e, internamente, o PSDB vive dias de tensões e agressões.
    Como dito pelo Evandro acima, precisamos unir mas sem perseguir. União se faz com diálogo e respeito mútuo e não na base da comissão de ética.

    Abraços.

    JOSE RUBENS DOMINGUES FILHO

  13. Eu pensei em oferecer meus pêsames aos paulistanos ingratos e desmemoriados, mas se estão felizes assim (estão feliz, na música de Marta), relaxa e …… (eu sinto nojo de repetir essa palavra em público).

  14. francisco de assis vieira filho

    Raul, as pesquisas não podem ser fator de inibição, as nossas lideranças sabem que o PT é nosso adversário .
    O Geraldo demonstrou garra, personalidade, pois sabe que o PSDB tem compromisso com a verdade, com a ética.
    O PTB, através do Dep. Campos Machado, amigo do Geraldo,tem dado demonstrações de absoluto engajamento
    na campanha eleitoral, falta ao PSDB, fazer a sua parte.
    Vamos buscar os votos novamente, o povo de São Paulo, sabe que o PSDB, tem o melhor candidato, já testado inumeras vezes. Vamos em frente que atrás vem gente.
    Chesco

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *